quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Senhoras - Mundial de Rio

O Mundial de Senhoras em Rio decorreu de 25 a 31 de Outubro em Bloemhof, África do Sul e, pesem as elevadas expectativas de muito peixe graças à edição transacta do Mundial de Carpfishing.
A 17ª edição do Mundial de Senhoras caracterizou-se por uma pesca muito difícil em zonas muito baixas que raramente ultrapassavam os dois metros de profundidade o que obrigou muitas pescadoras a pescar à inglesa, em busca de carpas que ultrapassavam a média de um quilo de peso. A nível colectivo e individual a prova não correu bem às cores nacionais. Por nações alcançámos um modesto 10º posto, sagrando-se a Espanha a nova Campeã Mundial, seguida das selecções inglesa e italiana. Individualmente, a espanhola Maria Siles Alvarez é a nova campeã, Malgorzata Vesolowska da Polónia a nova vice e Susana Siles Alvarez (irmã da nova campeã) ficou no degrau mais baixo do pódio. Destaque ainda para as estruturas que a organização montou para individualizar os pesqueiros, o facto de não se puderem usar fouillies, o de Virgínia Ferreira ter capturado o maior peixe da prova, um peixe-gato com quase 13kg e o facto da selecção italiana ter quase desistido da prova fruto de um aparatoso acidente de automóvel que levou à hospitalização de duas atletas com alguma gravidade.

PROIBIDA a pesca com verdemã!

A Portaria n.º 624/2010, de 23 de Agosto de 2010, esclarece de forma definitiva todas as dúvidas sobre a pesca com verdemã em Portugal.

Assim, o diploma agora publicado deixa claro a proibição da pesca com verdemã bem como o seu transporte e comercialização, considerando ainda que a captura dos verdemãs apenas tem sucesso com recurso a meios e métodos de pesca proibidos; algo que há muito os pescadores desportivos vinham reclamando junto das entidades oficiais. A medida está assente num artigo único que refere que “É proibida a captura, detenção, transporte, utilização como isco e comercialização das espécies de cobitídeos Cobitis calderoni, verdemã-do-norte, e Cobitis paludica, verdemã -comum.”. Mais informações sobre este diploma em http://dre.pt.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Portugal vence Mundial de Achigã!

Portugal venceu o VI Campeonato Mundial de Pesca Embarcada ao Achigã, numa prova que teve como palco as águas do Grande Lago.

A prova desenrolou-se durante três dias nas águas alentejanas do Alqueva que receberam três duplas de cada uma das doze nações participantes. A selecção nacional, capitaneada por Hermínio Rodrigues, conseguiu um resultado inédito, mercê de prestações muito sólidas e regulares que se traduziram numa diferença de 29 para a Itália e de 37 pontos para a Alemanha.

Se colectivamente tudo correu na perfeição, faltou apenas a “cereja no topo do bolo”, conseguida com o título individual. Esta conquista esteve perto graças à actuação da grande revelação nacional desta prova, a dupla Sérgio Sequeira e Silvestre Pinto que até ao último dia de prova estavam na segunda posição, apenas a um ponto dos primeiros colocados. O último dia viria a baralhar as contas a nível individual e a dupla cairia para um, ainda assim, excelente 4º lugar. A grande surpresa veio da dupla Joaquim Moio e João Grosso que “puxaram dos galões” e mostraram porque conhecem o Alqueva como ninguém e, como uma pesagem acima de 6kg, subiram ao degrau mais baixo do pódio, atrás dos vencedores mexicanos e dos croatas. A dupla Pedro Félix e Paulo Ramos classificou-se em 8º lugar da geral.

É caso para dizer VIVA PORTUGAL!

terça-feira, 19 de outubro de 2010

O Fluviário de Mora inaugura no dia 28 de Outubro, pelas 17 horas, a Exposição Lampreias de Portugal.

A mostra vem na sequência do Plano Nacional de Conservação da Lampreia-de-rio e da Lampreia-de-riacho que foi um dos projectos vencedores do Fundo Biodiversidade em 2008.

O Fluviário de Mora é uma das instituições envolvidas neste projecto de âmbito Nacional juntamente com o Centro de Oceanografia, a Universidade de Évora, o Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental, a empresa Planeta Vivo e a Autoridade Florestal Nacional.
A EDP tem vindo a apoiar a investigação sobre as várias componentes da biodiversidade, através do Fundo EDP para a Biodiversidade, que premeia, todos os anos, um conjunto de projectos de investigação científica considerados relevantes no seu domínio e de grande dimensão.

O principal objectivo deste projecto, que teve início em Janeiro de 2009, é obter informação que sustente a implementação de medidas de conservação que contribuam para a protecção destas duas espécies de lampreia ameaçadas de extinção. Os trabalhos realizados incidiram, numa primeira fase, na caracterização da distribuição destas espécies no nosso território. Paralelamente, desenvolveram-se também estudos mais específicos no sentido de identificar as variáveis ambientais que poderão explicar a presença restrita destas duas espécies de lampreia a apenas algumas bacias hidrográficas portuguesas.

O trabalho de campo foi realizado em todo o território continental português e alguns dos resultados mais importantes deste projecto estarão patentes nesta exposição no Fluviário de Mora a partir do dia 28 de Outubro deste ano.

Portugal vence Europeu de Bóia!

Realizou-se de 6 a 10 de Outubro o IV campeonato da Europa de pesca à bóia em Ílhavo.

Como não podia deixar de ser estiveram presentes os melhores atletas da Europa desta modalidade, onde uma vez mais Portugal mostrou o elevado nível competitivo dos pescadores da selecção nacional.
A prova decorreu com normalidade e grandes exemplares, como por exemplo uma tainha de 2,750kg, e quantidades que chegaram aos 247 peixes capturados durante as 4 horas de prova, como foi o caso de Roggero Domenico da Itália.
As condições atmosféricas não foram as melhores, com muita chuva e ventos fortes, mas que não foram motivos para contrariar a vontade de ganhar de Portugal que assim acabou por conquistar o título europeu de pesca à bóia, seguida da Itália, França e Espanha. Individualmente, Sebastian Toquet (França) ficou em primeiro lugar, seguido de Raul Sanchez (Espanha) e Francesco Mungai (Itália).

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Objectivo: SARGOS

Na edição de Outubro do Mundo da Pesca (nº 116) não perca um espectacular roteiro com 10 pesqueiros de Norte a Sul de Portugal, com condições mais do que propícias para pescar SARGOS à bóia.

Cada pesqueiro é descrito de forma objectiva e deixamos-lhe as melhores dicas e sugestões para que não saia de casa em vão e para que volte a casa cons uns sargos na alcofa.

E para que não hajam confusões, até lhe damos as coordenadas GPS...

Não perca!

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Márcio Gaio vence Nacional de Rio


Márcio Gaio é o novo campeão nacional de Rio. O atleta de Gondomar sagrou-se campeão nas últimas duas mãos disputadas na nova pista de Monte Real - Leiria.

A luta pelo título esteve sempre muito disputada entre o atleta nortenho do Team Vega, Luís Franco do Eborense e Rui Gomes do Sport Lisboa e Benfica, sendo a diferença do primeiro para o segundo classificado apenas de um ponto. Assim sendo Márcio Gaio acumula ao inédito título Europeu por nações a faixa de campeão nacional.

De destacar também as descidas de alguns dos atletas que integraram a selecção do europeu; nomes como o de Gonçalo Martins (4º classificado no Europeu), Mário Paulo Pereira (campeão nacional 2009) e de Mário Baptista, até à data o único atleta que nunca tinha descido da 1ª divisão, desde a extinção do Clube Portugal.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Manuel Dias e Ricardo Dores Vencem Clássico 2010


Manuel Dias e Ricardo Dores chegaram à final do passado Domingo, depois de terem ficado no 11º lugar da geral, após os dois primeiros dias de competição.

Das 25 equipas finalistas que disputaram a vitória final no Clássico Achigã 2010, Manuel Dias e Ricardo Dores, conseguiram apresentar à pesagem o limite de cinco peixes, entre os quais se contavam um exemplar de 2,025 kg e que fez toda a diferença nas contas finais.
Com esta vitória a equipa de Beja levou para casa um motor fora de borda Yamaha, o F70 AETL, no valor de 12.296,63€, oferta da APPA e da Yamaha Motor de Portugal.

No próximo Mundo da Pesca de Novembro não perca uma reportagem exclusiva sobre esta prova e descubra algumas das técnicas mais eficientes usadas pela dupla campeã.

VITÓRIA PORTUGUESA!

Europeu de Rio – Coruche 2010

Já há muito que Portugal precisava de um resultado expressivo na competição de Rio e na sua categoria de Seniores. Depois do título individual de Mário Barros em 93 e do vice-campeonato Mundial por Equipas em Coimbra, Portugal teve em Coruche mais uma oportunidade para “bater na mesa”. E é caso para dizer que “batemos” com tanta força que partimos a mesa e conquistámos um título inédito e merecido para o nosso País. Campeões!

Em sectores de 17 pescadores a competição entre os favoritos foi muito cerrada até ao final das pesagens das duas provas, venceram os pescadores nacionais, cumprindo uma tradição de vitória em Coruche e batendo a equipa inglesa que venceu dois sectores no sábado e três sectores no domingo! Feitas as contas: Portugal 30 pontos; Inglaterra 32 pontos; Itália 45 pontos e a Espanha com 61 pontos! A nível individual Alan Scotthorne (5x campeão do Mundo Individual) foi o vencedor, beneficiando também de ter calhado em sorteio no E17 (ponta de cima) no Domingo. William Raison (actual Campeão Mundial) foi espectacular e foi vice, com demonstrações técnicas que ficam inesquecíveis para os espectadores; como alguém disse “será preciso pagar para o ver pescar?” Impressionante! Gonçalo Martins termina em 4º da geral, tendo sido batido pelo estreante italiano Giuliano Prandi por apenas 20 gramas… faltou muito pouco e era a “cereja no cimo do bolo”. De realçar as excelentes prestações lusas, sem excepções, referindo que até o atleta que foi substituído, Manuel Lima, tinha feito um 6º lugar no Sábado, uma boa classificação em qualquer parte do Mundo.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Sanções para utilizadores da orla costeira


O Conselho de Ministros aprovou o Decreto-Lei que estabelece o regime sancionatório aplicável às infracções praticadas pelos utilizadores da orla costeira, no que respeita a sinalética e barreiras de protecção.

Este diploma tem como objectivo base dois pontos, a prevenção e segurança de pessoas e bens e o reforço dos poderes das autoridades com competências de fiscalização nesta área. Existe uma evolução considerável de degradação e recuo das arribas que resulta nos desmoronamentos e quedas de blocos. A dispersão de ocorrências por todo o território nacional litoral é uma característica que impossibilita a capacidade de avaliação de estruturas, uma vez que existem condicionantes que poderão accionar a erosão de massas, o que torna difícil prever uma zona de risco aparente a “olho nu”. O diploma aprovado incide na questão do incumprimento da sinalética informativa, que foi colocada numa determinada área de estudo e que apresenta um risco elevado, como tal deverá ser respeitado, mas também a destruição, remoção da referida sinalética imputa coimas, uma vez que para além do vandalismo coloca a vida de terceiros (pessoas e bens) em risco. Foram estabelecidas coimas para quem remova, danifique ou destrua as estruturas de protecção ou de sinalização existentes nestas zonas, as quais podem variar para pessoas singulares, entre 200 e 750 euros, e para pessoas colectivas, entre 1000 e 2000 euros.
Foram também fixadas coimas entre 10 e 50 euros para quem permaneça em zonas interditas ou transponha barreiras de protecção.
Segundo o diploma, a fiscalização do cumprimento do disposto no decreto-lei compete às Administrações das Regiões Hidrográficas, aos órgãos locais da Autoridade Marítima
(Policia Marítima) e às autoridades policiais ou administrativas competentes.

Rio: Portugal vence em U18


Uma semana para fazer campeões!

Disputaram-se no passado dia 24 e 25 de Julho os Campeonatos do Mundo de Jovens no Canal Fissero Tartaro e no Canal Bianco respectivamente em Garolda e Ca Vechia, Mantova, Itália. Portugal foi uma das oito nações a apresentar equipas nos 3 escalões (U14, U18 e U22).

O espírito de equipa foi reinante nesta comitiva, sendo bem patente que os objectivos colectivos iriam sobrepor-se a um hipotético resultado individual. O trabalho realizado por todos os atletas complicou bastante a vida aos respectivos seleccionadores, tendo apenas Ricardo Sousa sentido algumas “facilidades” fruto de uma visita súbita ao hospital por parte de Jorge Queirós (U14). Em U14, a pesca foi complicada para os nossos atletas que não conseguiram segurar muitos dos grandes peixes (carpas e pequenos siluros) que por ali havia; o resultado final foi um 7º posto em 8 equipas, pese a boa prestação de Jorge Queirós que, reabilitado, voltou e arrancou um bom 2º lugar. Em U18 tudo correu na perfeição. A aposta do seleccionador Luís Franco foi feita numa zona declivosa a 7 metros da margem em busca de peixes de pequeno e médio porte (carpas, pimpões e skimmers, engodando com terra e argilas, asticots mortos e casters, táctica que se revelou eficiente e fez com que Portugal conquistasse o título, entre as 17 equipas participantes, e Carlos Silva um 4º lugar muito amargo, pois ficou em igualdade pontual com o 3º, sendo apenas superado por uma diferença de 1 kg.
Já em U22 as coisas não correram bem, tendo Portugal ficado em 17º lugar, entre 19 equipas, fruto de uma estratégia menos indicada e que teve como consequência falta de um peixe maior à altura da pesagem.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

De mestre!

Na edição de Setembro apresentamos um artigo sobre as escolhas de 3 mestres do spinning da zona Oeste do país. Conhecida pelas dificuldades que alguns desses pesqueiros encerram para tirar o peixe da água, Tiago Laurentino decidiu mostrar como se faz, mostrando ao mesmo tempo que a escolha aprimorada do material conta bastante.
Delicie-se com mais um espectacular momento de spinning... feito em Portugal, por portugueses!
video

domingo, 1 de agosto de 2010

Celebração foi... uma grande pescaria!

Nem sempre os golos são o melhor de um jogo de futebol. Por vezes, a celebração é muito mais agradável.
Que o digam os adeptos do encontro entre duas equipas do campeonato islandês. Na marcação de uma grande penalidade, o avançado colocou a bola nas redes, colocando a sua equipa em vantagem na partida por 2-1.
Foi então que ocorreu o momento cómico do encontro. O autor do golo lançou a linha de uma cana de pesca imaginária e “capturou” o seu colega de equipa, a quem coube o papel de peixe. No final, a captura teve ainda direito a fotografia, tirada por mais um colega de equipa.Pelos vistos há muitos seguidores do camaronês Roger Milla, mas que desta feita inovaram nas comemorações e mostraram que a pesca também pode ser um desporto de equipa.

Troféu Bocage


Agora Internacional!
O Troféu Bocage vai este ano realizar a sua 9ª edição.
Esta prestigiada prova de pesca em barco fundeado tem a particularidade de ser este ano, ao mesmo tempo e pela primeira vez, uma Prova Internacional de Pesca Desportiva de Alto Mar, conferindo a organizção desta forma um carácter internacional ao referido troféu, atendendo à presença de atletas de variados países como Alemanha, Itália, Espanha e Cazaquistão. A prova vai ser realizada no dia 12 de Setembro, terá o apoio da Câmara Municipal de Setúbal e do Mundo da Pesca. As inscrições estão desde já abertas - e a superar todas as expectativas -, devendo todos os interessados efectuarem as suas inscrições até ao dia 31 de Agosto, as quais devem ser feitas através do geral@clubecompanhiadosmares.com; clubecompanhiadosmares@gmail.com ou pelos seguintes números telefónicos 265 221 322; 914 454 562; 968 119 111 e 937 681 984.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Especial ROBALO 2 já nas bancas!


A tão aguardada edição do Especial ROBALO 2 já pode ser encontrada nos habituais pontos de venda!

Esta edição de cariz especial, dedicada apenas ao "Rei da Costa", aborda todas as técnicas relacionadas com esta espécie, seja feita de costa ou embarcada, e vem acompanhada com um DVD com 2 filmes. Num dos filmes podemos desfrutar da magia do spinning usando apenas amostras em vinil ao passo que a outra película fica reservada para o jigging e alguns detalhes importantes para a pesca deste predador.

Esta edição poderá ser encontrada nos seus pontos de venda habituais, chamando a atenção para o facto de permanecer à venda durante 3 meses. Por isso já sabe... não deixe de adquirir esta espectacular edição!

domingo, 9 de maio de 2010

Tejo Internacional - Onde param as autoridades?

Está a acontecer um crime ecológico diariamente na área pertencente ao Parque Natural do Tejo Internacional.

Esta situação verifica-se no açude do Rio Erges, localizado a jusante da ponte de Segura, que devido à regulação de nível efectuada junto ao antigo moinho e posicionada demasiado alta, cria um enorme fluxo de água que se torna intransponível impedindo por isso que os barbos façam a sua migração reprodutiva. A falta de sensibilidade de quem gere este caudal, aliada à habitual ausência de acção das entidades competentes, está tão-somente a impedir que toda a população de barbos desse rio se reproduza, porque não consegue transpor esta barreira artificial.
Esta denúncia foi feita por José Gomes Torres que assim chama a atenção para este crime ecológico, quando estamos em presença de uma espécie autóctone e quando num passado recente o PNTI afirmou publicamente que seria desejavel não haver achigãs nas nossas águas, e isto quando estamos a comemorar este ano o Ano Internacional da Biodiversidade. Como se não bastasse estes peixes terem que lidar todos os dias com a poluição crescente e a vista tapada e a inércia das autoridades...

Comprovadamente, o Parque Natural do Tejo Internacional apenas parece preocupar-se com as aves e mesmo assim não com todas. Recentemente José Gomes Torres indagou num email qual o paradeiro de uma águia de asa redonda que recolheu em 2007, por sugestão da Quercus de Castelo Branco e que afirmou ter entregue a ave ao PNTI. Continua a aguardar resposta...


video

sábado, 8 de maio de 2010

"Especial ROBALO 2" quase nas bancas!

O "Especial ROBALO 2" está quase nas bancas!

A partir de Junho poderá encontrar o segundo número desta edição especial do Mundo da Pesca, inteiramente dedicada ao mais nobre predador da nossa costa. Do spinning ao surfcasting, passando por alguns dos melhores destinos e detalhes técnicos como nós, de tudo um pouco pode encontrar nesta fabulosa edição.

Como não podia deixar de ser, produzimos um DVD - inteiramente produzido em Portugal - que acompanha este número, com espectaculares cenas de acção de pesca aos robalos, nomeadamente ao spinning de costa com vinis e de barco, à zagaia.
Para abrir um pouco o apetite deixamos-lhe um pequeno trailer... aproveite.


video

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Prova de Captação nos Patudos

Na tentativa de angariar novos talentos para a pesca de rio, a 1ª ARPDR vai levar a cabo no dia 1 de Maio uma prova de captação para jovens pescadores dos 8 aos 14 anos de idade.

Todos os interessados apenas terão de estar presentes na barragem dos Patudos, não tendo se preocuparem com materiais, iscos e inclusivamente o lanche; tudo será fornecido pela organização levada a cabo por esta Associação, Câmara Municipal de Alpiarça e pelos pescadores convidados, uma das fortes atracções desta captação.

Por isso, se queres começar a pescar e dar os primeiros passos auxiliado por alguns dos melhores pescadores nacionais da modalidade não penses mais e marca a tua presença. Afinal, pescar é fixe e de borla!

Pesca em Sintra - E vão 4!

No dia 9 de Maio irá realizar-se o 4º Grande Convívio do site/fórum Pesca em Sintra na zona do Magoito, mesmo local onde decorreram com grande êxito os 3 convívios anteriores.

Os membros e suas famílias poderão visitar a zona de Sintra e/ou pescar na zona do Magoito e de seguida dirigir-se para o local do almoço, onde os esperará um porco no espeto, música ambiente e uma grande camaradagem.

Esta será uma excelente oportunidade para conhecer os amigos virtuais, reviver velhos amigos e recordar amigos ausentes. O número esperado de membros presentes de vários pontos do país será de 80.

Mais informações em
www.pescaemsintra.com

Bem-vindos ao blogue da revista "Mundo da Pesca"!









Sejam bem-vindos ao blogue do "Mundo da Pesca"!


Aqui poderão encontrar toda a actualidade sobre a pesca em Portugal, nomeadamente legislação, reportagens, antevisão de DVD's nacionais a encartar na revista, entre outros artigos que certamente lhe interessarão.